segunda-feira, 28 de julho de 2008

Livros Grátis

O Diário Notícias irá distribuir durante 6 semanas por 5 edições semanais (excepto às terças e quintas), 1 livro de bolso grátis, apenas pelo preço de compra do jornal em papel.
(Com a devida vénia ao Luís, que alertou a blogosfera para dito empreendimento literário levado a cabo pelo periódico da Controlinveste.)
Devido ao meu total alheamento voluntário dos jornais que se vão publicando pelo país, de onde os gratuitos me provocam uma insanável urticária – não só pela qualidade jornalística e das matérias neles reproduzidas, mas principalmente pelo espectáculo das inúmeras lixeiras varridas a vento que as gentes deste país imundo criaram a cada cruzamento, e, por fim, pelos distribuidores que empatam o já de si complicado trânsito matinal das ruas das nossas cidades, com o beneplácito do portuguesinho de terço no retrovisor ou do “Vanessa a bordo” estampado no vidro traseiro que abranda ou detém o andamento da viatura para sacar mais uma borla e que literalmente se está a borrifar (ia dizer cagar, mas ficava feio) para o vizinho que vem atrás –, mas foi esse alheamento que levou ao meu total desconhecimento da campanha que se iniciou no passado sábado.
Mas, antes que anoiteça (obrigado Arenas), eis os títulos:

  • 26-Jul – Fiódor Dostoievski – Coração Débil
  • 27-Jul – Franz Kafka – A Metamorfose
  • 28-Jul – Giovanni Boccaccio – Histórias Eróticas
  • 30-Jul – Anton Tchékhov – A Minha Mulher
  • 1-Ago – Voltaire – O Ingénuo
  • 2-Ago – Lev Tolstói – A Morte de Ivan Ilitch
  • 3-Ago – Jack London – A Peste Escarlate
  • 4-Ago – Máximo Gorki – Três Contos
  • 6-Ago – Thomas Hardy – O Pregador Atormentado
  • 8-Ago – Franz Kafka – Carta ao Pai
  • 9-Ago – Fiódor Dostoievski – A Voz Subterrânea
  • 10-Ago – Joseph Conrad – Juventude
  • 11-Ago – H.P. Lovecraft – Herbert West: Reanimador
  • 13-Ago – Robert L. Stevenson – O Estranho Caso do Dr. Jekyll e do Sr. Hyde
  • 15-Ago – Charles Dickens – Um Cântico de Natal
  • 16-Ago – Henry David Thoreau – Onde Vivi e para Que Vivi
  • 17-Ago – Henry James – A Fera na Selva
  • 18-Ago – Miguel de Cervantes – A Ciganita
  • 20-Ago – Rainer Maria Rilke – Histórias do Bom Deus
  • 22-Ago – Nikolai Gógol – O Retrato
  • 23-Ago – Sun Tzu – A Arte da Guerra
  • 24-Ago – Stephen Crane – O Barco Aberto
  • 25-Ago – Oscar Wilde – O Crime de Lorde Artur Savile
  • 27-Ago – Thomas Wolfe – O Rapaz Perdido
  • 29-Ago – Gustave Flaubert – Um Coração Simples
  • 30-Ago – Edgar Allan Poe – A Queda da Casa de Usher
  • 31-Ago – Fiódor Dostoiévski – Contos
  • 1-Set – Italo Svevo – Um Embuste Perfeito
  • 3-Set – Oscar Wilde – O Retrato do Sr. W.H.
  • 5-Set – Rainer Maria Rilke – Cartas a Um Jovem Poeta

No dia 17 de Agosto (dois dias após a Assunção de Maria), sai com o DN o livro grátis com o conto A Fera na Selva (The Beast in the Jungle, 1903) do Mestre Henry James. Conto que na sua versão original é composto por cerca de 16.700 palavras.
Uma vez mais remeto para aquilo que
aqui proferi em relação a outro conto do mesmo autor, recentemente editado no mercado nacional e vendido pelo preço de 12 euros, cuja versão original é composta por cerca de 11.900 palavras…

Talvez seja meu o defeito. Sou um redutor...

2 comentários:

luís disse...

Boa colecção, não é? E bastante em conta nestes tempos difíceis.
Iniciei a leitura do The Pupil, do Henry James, que encontrei por aí num site qualquer, e estou a gostar. (estive um dia destes a analisar na edição da palimpsesto e, ao menos, pode-se dizer que é bastante bonita, o que já não é totalmente mau)

AMC disse...

Pois, é bem verdade Luís. A edição da Palimpsesto está óptima, mas o preço continua a ser uma exorbitância.
Quanto aos livros do DN, irei tentar adquirir alguns, já que muitos ou já li, ou tenho-os (noutras edições) na minha biblioteca.