quarta-feira, 28 de novembro de 2007

Ainda do intitulamento invertido


Notas de além-túmulo.

3 comentários:

Paulo Rodrigues Ferreira disse...

Bulgakov é dos autores mais geniais que li este ano.

Abraço

AMC disse...

É bem verdade, Paulo. A Rússia, tal como os EUA, é uma autêntica fábrica de excelência literária.
OK, também são ambos países de grande dimensão...
Um abraço

o-sniper-da-gandra disse...

Li Mikhail Bulgakov há uns bons anos e fiquei rendido. Juntamente com Boris Vian (Vernon Sullivan) são absolutamente imperdíveis.
Abraço!